PousoAlegrenet

Menu

Silvianópolis realiza festival gastronômico com foco na culinária mineira e de raiz

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Eis o cenário: chefs de cozinha preparando “tachadas” no fogão à lenha armado no chão; moradores da cidade apresentando suas deliciosas iguarias: carne na lata, frango caipira, feijão tropeiro com leitoa, doces, quitandas, petiscos e uma infinidade de gostosuras; forno à lenha assando biscoitos e broas; monjolo socando milho ou arroz; casinhas de pau a pique cheirando à terra fresca; artistas e grupos convidados e locais se apresentando no palco; crianças ouvindo histórias de personagens dos clássicos da literatura infantojuvenil; senhorinhas acomodadas no Banco dos Saberes repassando seus conhecimentos aos mais jovens. E muito mais.

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Silvianópolis, a terra do Festival. Foto: Ana Beraldo

Onde? Logo ali: em Silvianópolis, a antiga Santana do Sapucaí. Durante os dias 28, 29 e 30 de agosto, a praça principal da cidade se trasformará em um cenário rural, caipira e gastronômico para recepcionar o 2º Festival Sabores e Saberes de Santana, um evento integrante da 5ª Jornada Mineira do Patrimônio Cultural 2015.

A comitiva Festival visitou a vinícola Fidêncio, em Bueno Brandão, que irá participar do evento. Foto: Ana Beraldo

A comitiva Festival visitou a vinícola Fidêncio, em Bueno Brandão, que irá participar do evento. Foto: Ana Beraldo

Este evento multicultural, que reúne os sabores da gastronomia mineira com ênfase para a culinária de raiz e rural e os saberes artísticos do município e da região, é uma  realização da Prefeitura de Silvianópolis, com parte do patrocínio do Governo de Minas (o município foi contemplado com recursos governamentais por meio de um edital).

O prefeito de Silvianópolis, Benedito Porfírio Borges, e o expositor Odair, representante da Pinga do Deli, do bairro dos Fernandes, município de Silvianópolis, que estará presente no Festival.  Foto: Ana Beraldo

O prefeito de Silvianópolis, Benedito Porfírio Borges, e o expositor Odair, representante da Pinga do Deli, do bairro dos Fernandes, município de Silvianópolis, que estará presente no Festival. Foto: Ana Beraldo

O prefeito de Silvianópolis, Benedito Porfírio Borges, um dos idealizadores do projeto,  comenta sobre os objetivos do Festival: “Além do resgate de pratos da culinária raiz, queremos incentivar a participação das pessoas que trabalham na informalidade e despertar talentos culinários adormecidos. Promover também a geração de renda e movimentar a economia local. Os expositores são todos da cidade. Este ano o número triplicou – de seis no ano passado para vinte”.

O chef Gilmar Borges, de Pirenopólis, GO, irá coordenar as ações gastronômicas do Festival. Foto: Maria Fátima Meira

O chef Gilmar Borges, de Pirenopólis, GO, irá coordenar as ações gastronômicas do Festival. Foto: Maria Fátima Meira

Assinam a produção do evento a jornalista e produtora cultural Ana Beraldo e a profissional de gastronomia gourmet Rogéria Aires, de Pouso Alegre. Elas relatam algumas novidades deste ano: “O Festival deu um salto na parte gastronômica em relação ao ano passado, tanto no número de expositores, como também na participação de profissionais da área. O convidado especial deste ano é o chef Gilmar Borges, profundo conhecedor da culinária rural e de raiz, de Pirenópolis, GO. Outra  novidade será a apresentação de um prato da culinária local, a almôndega da roça, servida nas festas de casamentos em alguns bairros rurais do município até hoje”. Sobre a receita, destacam: “A almôndega é enrolada em palha de milho e cozida em tacho com água fervente. Depois passada na gema de ovo caipira e frita em óleo quente. Querem degustá-la? Venham para o Festival!”

A Roda de pamonha, coordenada pelo chef Gilmar Borges, terá participação da comunidade local. Foto: Ana Beraldo

A Roda de pamonha, coordenada pelo chef Gilmar Borges, terá participação da comunidade local. Foto: Ana Beraldo

A culinarista Gláucia Lopes irá ministrar a aula-show: confeitagem de cupcakes no dia 30, às 14h.  Foto: Divulgação

A culinarista Gláucia Lopes irá ministrar a aula-show: confeitagem de cupcakes no dia 30, às 14h. Foto: Divulgação

A movimentação na cozinha do Festival será intensa. O chef Gilmar Borges irá preparar uma “tachada” com produtos da culinaria mineira ao vivo e ministrar uma aula-show com produtos do Cerrado, além de coordenar duas atividades que envolvem os moradores da cidade: a Roda de Pamonhas e a Matula Café da Roça.

Participam também da parte gastronômica o chef Gerson Michelle e a culinarista Gláucia Lopes, ambos de Pouso Alegre. Durante o Festival, será feito o lançamento do curso de Gastronomia da Univas com a oficina Gastronomia Funcional, ministrada por profissionais da Instituição.

O artista Ayrton Ramos, do Rio de Janeiro,  apresenta o show Uma viagem pelo fenômeno Raul Seixas na sexta-feira, 28, às 22. Foto: Divulgação

O artista Ayrton Ramos, do Rio de Janeiro, apresenta o show Uma viagem pelo fenômeno Raul Seixas na sexta-feira, 28, às 22. Foto: Divulgação

A coprodutora do evento Ana Beraldo e o músico Raimundo Andrade que apresenta o show Bailão dos Bertinos na noite de 29, às 22h. Foto: Divulgação

A coprodutora do evento Ana Beraldo e o músico Raimundo Andrade que apresenta o show Bailão dos Bertinos na noite de 29, às 22h. Foto: Divulgação

A parte cultural é eclética e direcionada para todos os publicos. Os shows principais serão Uma viagem pelo fenômeno Raul Seixas, com Ayrton Ramos, do Rio de Janeiro, RJ; Bailão dos Bertinos, com Raimundo Andrade de Varginha; Assopra o Borralho com Zé Helder, de Pouso Alegre e com a Banda CoqFou, de Santa Rita do Sapucaí.

Participam também do evento as Caixeiras Amana Tykyra, o Grupo de Percussão da Acajal – Associação de Cultura e Artes José Antônio Lobo e o Movimento Laranja, todos de Pouso Alegre, além de grupos e artistas locais.

Participação especial das Caixeiras Amana Tykyra. Foto: Divulgação

Participação especial das Caixeiras Amana Tykyra. Foto: Divulgação

PROGRAMAÇÃO

28 de agosto (sexta-feira) – das 18 às 24h

O sanduíche da Maura, sucesso na edição 2014, retorna este ano com força total. Foto: Ana Beraldo

O sanduíche da Maura, sucesso na edição 2014, retorna este ano com força total. Foto: Ana Beraldo

18h – Abertura das tendas: culinária mineira, comidinhas da roça, quitandas, bebidas

18h30 – Hasteamento da Bandeira da Paz

20h – Grupo de Seresta de Santana (Silvianópolis, MG)

Dois grupos de folias de reis da cidade participarão do evento (foto: edição 2014)

Dois grupos de folias de reis da cidade participarão do evento (foto: edição 2014)

20h30 – Companhia de Reis Centenária (Silvianópolis e Turvolândia, MG)

21h – Grupo de dança infantojuvenil da Academia Multiforma – coordenação: profa Mariah Almeida (Silvianópolis, MG)

21h30 – Apresentação musical: Sabrina Castro (Silvianópolis, MG)

22h – Raul Seixas Cover Uma viagem pelo mundo do fenômeno Raul Seixas: Ayrton Ramos e banda (Rio de Janeiro, RJ)

Durante o evento será feito o relançamento do livro Catas, de Amadeu de Queiroz, que conta a história do ciclo do ouro no município. O livro foi reeditado pela Prefeitura de Silvianópolis (Foto: lançamento do livro em 2013).

Durante o evento será feito o relançamento do livro Catas, de Amadeu de Queiroz, que conta a história do ciclo do ouro no município. O livro foi reeditado pela Prefeitura de Silvianópolis (Foto: lançamento do livro em 2013).

Durante os dias do evento: relançamento do livro Catas, de Amadeu de Queiroz (reedição feita pela Prefeitura de Silvianópolis), com a participação do acadêmico do curso de História (Univas) Giovani Balbino e exposição com fotos da cidade.

29 de agosto (sábado) – das 10 às 02h

Participação especial do Movimento Laranja

Participação especial do Movimento Laranja

10h – Abertura das tendas

10 às 19h30 – Exposição de artesanato Arteiras de Santana (Silvianópolis, MG)

11h – Roda de pamonha – coordenação: chef Gilmar Borges (Pirenópolis, GO)

11h – Grupo de dança infantojuvenil da Academia Multiforma – coordenação: profa Mariah Almeida (Silvianópolis, MG)

13 às 17h – Intervenção urbana: Movimento Laranja (Pouso Alegre, MG)

As tias Faby, Edina e Ana irão coordenar a oficina de pintura e contar histórias para as crianças (foto: edição 2014)

As tias Faby, Edina e Ana irão coordenar a oficina de pintura e contar histórias para as crianças (foto: edição 2014)

13h às 16h – Oficina de pintura e contação de histórias: tias Faby, Ana e Edina (Silvianópolis, MG)

15h – Oficina de Capoeira Angola: Fátima Caria e Raoni Morales (Rio de Janeiro, RJ)

O chef Gerson Michelli irá elaborar a tachada Entrevero Mineiro no dia 29, às 16h.  Foto: Ana Beraldo

O chef Gerson Michelli irá elaborar a tachada Entrevero Mineiro no dia 29, às 16h. Foto: Ana Beraldo

16h – Elaboração da tachada Entrevero Mineiro: chef Gerson Michelli (Pouso Alegre, MG)

17h – Dança Portuguesa: alunos do Ciemsa (Silvianópolis, MG)

17h30 – Degustação: Pão Cheio (prato típico de Santa Rita do Sapucaí): cortesia da – (Santa Riita do Sapucai, MG)

A coprodutora do evento Rogéria Aires apresenta Entradas com queijos de búfala e produtos artesanais no dia 29, às 18h .  Foto: Ana Beraldo

A coprodutora do evento Rogéria Aires apresenta Entradas com queijos de búfala e produtos artesanais no dia 29, às 18h . Foto: Ana Beraldo

18h – Apresentação de entradas com queijos de búfala e produtos artesanais: Rogéria Aires Gourmet (Pouso Alegre, MG)

19h Elaboração da Tachada dos tropeiros: chef Gilmar Borges (Pirenópolis, GO)

20h – Caixeiras Amana Tykyra – coordenação: Cristina Bueno (Pouso Alegre, MG e Campinas, SP)

Participação especial do  Grupo de Percussão da Acajal - Associação de Cultura e Artes José Antônio Lobo. Foto: Jane Rotta

Participação especial do Grupo de Percussão da Acajal – Associação de Cultura e Artes José Antônio Lobo. Foto: Jane Rotta

21h – Grupo de Percussão da Acajal – Associação de Cultura e Artes José Antonio Lobo (Pouso Alegre, MG)

22h – Lançamento oficial da Festa do Rosário 2016 – simbologia do Reinado [pequeno cortejo] com a participação dos festeiros 2016 e das congadas de Silvianópolis: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

O cortejo será coordenado por representantes da guarda-coroa do Reinado com a participação das congadas da cidade: Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Foto: Ana Beraldo

22h30 – Show Bailão dos Bertinos: Raimundo Andrade (Varginha, MG)

24h – Show Banda CoqFou (Santa Rita do Sapucaí, MG)

 

Dia 30 (domingo) – das 10 às 19h

10h – Abertura das tendas

10 às 18h30 – Exposição de artesanato Arteiras de Santana (Silvianópolis, MG)

10h – Matula café da roça – com quitandas de Santana – coordenação: chef Gilmar Borges (Pirenópolis, GO)

10h30h – Bate lata – alunos do Cras de Silvianópolis – coordenação: David Rodrigues, diretor de Cultura e Turismo de Poço Fundo, MG

11h30 – Companhia de Reis Estrela de Belém – (Silvianópolis, MG)

12h – Apresentação de talentos de Silvianópolis

13h – Tae kwon – Academia Multiforma – Prof. André Inácio (Silvianópolis, MG)

13h – Oficina Gastronomia Funcional – Lançamento do curso de gastronomia da Univas- Universidade do Vale do Sapucaí (Pouso Alegre, MG)

O show Assopra o Borralho com o músico Zé Helder encerra com brilhantismo o  Festival  2015. Foto: Divulgação

O show Assopra o Borralho com o músico Zé Helder encerra com brilhantismo o Festival 2015. Foto: Divulgação

14h – Aula-show: confeitagem de cupcakes (atividade para as crianças): culinarista Gláucia Lopes (Pouso Alegre, MG)

15h30 – Aula-show: Riquezas do bioma do Cerrado nos encantos das Gerais: chef Gilmar Borges (Pirenópolis, GO)

17h – Show Assopra o Borralho: Zé Helder (Pouso Alegre, MG)

Ana Maria Beraldo
Ana Beraldo, jornalista, escritora, produtora cultural, assessora de imprensa da FAI/Santa Rita do Sapucaí, desenvolve projetos editorias e culturais no sul de Minas e em São Paulo, diretora/proprietária da Anauá – Comunicação e Cultura, membro da Academia Pouso-Alegrense de Letras Contato: [email protected]

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.