PousoAlegrenet

Menu

Polo farmacêutico de Pouso Alegre vai receber até 148 milhões em investimentos até 2014

Nesta segunda, a empresa União Química anunciou investimentos de R$ 20 milhões e contratação de 200 funcionários. Somados, investimentos no setor chegará a R$ 148 milhões até o final de 2014

Sede de um dos maiores pólos farmacêuticos do país, Pouso Alegre segue fortalecendo sua economia graças ao setor. Até o final de 2014 o município será destino de pelo menos R$ 148 milhões de gigantes do ramo. A empresa União Química informou nesta segunda (17): apenas no primeiro semestre de 2013 investiu R$ 10 milhões na produção de medicamentos de origem biológica. Com o aumento da demanda, que está 35% maior, a empresa contratou mais 201 funcionários, ampliando seu quadro total em 31%. Até o final do ano, mais R$ 10 milhões reforçam o bolo de investimentos na linha de produção.

A empresa informa que, até agora, foram adquiridos novos equipamentos para a produção de cápsulas, produtos biológicos e injetáveis. A unidade de Pouso Alegre produz formas farmacêuticas humanas estéreis (ampolas, frascos, liofilizados, pós estéreis, sólidos hormonais, semissólidos e injetáveis hormonais), além de comprimidos hormonais e antibióticos. É uma das maiores e mais modernas plantas de produção de formas hormonais em funcionamento no país. Produz 1 bilhão de comprimidos hormonais e mais de 36 milhões de ampolas por ano.

Com quatro unidades fabris, a União Química conta hoje com um volume de vendas de 12 milhões de medicamentos por mês. A empresa prevê um aumento de 20% no faturamento até 2016. Fundada em 1936, está entre as dez maiores empresas da indústria farmacêutica brasileira.

Para o prefeito Agnaldo Prugini a expansão de investimentos nos diversos setores da indústria em Pouso Alegre, num momento de retração econômica em todo o mundo, mostra que a cidade possui um ambiente muito favorável para a iniciativa privada. “A política de atração de investimentos e o trabalho para manutenção de um clima propício para que os negócios deslanchem no município continuam a gerar frutos. Nosso objetivo final é gerar mais emprego, renda e qualidade de vida para a população. Por isso, damos todo o apoio às empresas instaladas na cidade, que têm sido uma das alavancas do desenvolvimento de Pouso Alegre”, considera.

Ao investimento da União Química se somam o da Cimed (R$ cerca de R$ 60 milhões) e da indiana ACG (R$ 68 milhões), esta em fase de instalação. Juntas vão gerar perto de 700 empregos ao final da execução de seus planos de negócio. O polo farmacêutico de Pouso Alegre ainda tem outros nomes de peso como a Biolab e a Sanobiol, ambas bem posicionadas no mercado.

O secretário de Desenvolvimento Econômico Rafael Prado conta que as contratações na indústria têm garantido um excelente desempenho do mercado de trabalho local. “No primeiro quadrimestre do ano, geramos mais de mil empregos. Mais da metade dessas novas vagas foram criadas pela indústria”. Por isso, segundo ele, é fundamental criar condições para que o setor continue crescendo. “Estamos adotando medidas para mitigar a especulação imobiliária que atinge a aquisição de áreas para instalação de empresas e nos empenhando para ter a Prefeitura cada vez mais a serviço daqueles que querem investir em Pouso Alegre”, destaca.

Exemplo
Em visita à cidade, no início de abril, a secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico Dorothea Werneck se surpreendeu com o avanço tecnológico e com a expertise do setor farmacêutico da cidade. Na oportunidade, ao lado do prefeito , ela foi recebida na União Química por seu proprietário, Fernando Marques. Conheceram um a um os diversos setores produtivos da fábrica.

A indústria farmacêutica, aliás, integra os setores de interesse da política mineira de desenvolvimento econômico. Enquadrado no segmento de ‘ciências da vida’, o setor é um dos que mais agrega conhecimento e tecnologia no desenvolvimento de seu produto final. Para Dorothea, Pouso Alegre é um exemplo a ser seguido por Minas, que caminha rumo à diversificação de sua economia.

O município atraiu nos últimos anos empresas dos mais diversos segmentos, tem um comércio forte e um setor de serviços em franca expansão. Dorothea usou um conceito de administração, que define as melhores práticas na indústria que conduzem ao desempenho superior. “Pouso Alegre é hoje o Benchmark que todos querem alcançar”, finalizou.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.