PousoAlegrenet

Menu

Vereadores não apoiam abertura de CPI contra a Administração Agnaldo Perugini

Vereador Adriano Pereira passou a semana procurando apoio para abertura de uma CPI contra a administração .

Sem apoio suficiente, Adriano subiu a tribuna e se mostrou indigando com os vereadores:

A falta de interesse vem de todos os lados. O caso de improbidade vai ficar, como se diz no popular, 6 por meia duzia. E nada mais que isso, ou somente isso. Desacreditado nesta função de fiscalizar o executivo. Muitas omições acabam se tornando conivência.
– disse o vereador Adriano Pereira

O Ministério Público estadual esta movendo uma ação civil pública contra prefeitura sobre um acordo feito a um ano entre a secretaria de transito e a Promenor. Na ação, o Ministério Público pede o ressarcimento aos cofres públicos de R$237.657,77 e o enquadramento do Prefeito e sua esposa nos artigos 12, II e III da lei de Improbidade administrativa. Também é apontado pelo Ministério Público a inoportunidade da época, visto que o mesmo foi implementado em ano de eleições municipais.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.