PousoAlegrenet

Menu

Duas creches desmentem comunicado na internet

Creches Irmã Esther Parreira e Jesus Maria José desmentem nota e afirmam que não suspenderão suas atividades. Outras creches afirmaram que suspenderão atividades caso não haja o repasse de verbas. Manifestação deve acontecer nesta terça-feira as 17h em frente a Câmara.

Creche Jesus Maria José deve iniciar atividades normalmente

Creche Jesus Maria José deve iniciar atividades normalmente

O Movimento Social de Promoção Humana (MSPH), responsável pela administração das creches Irmã Esther Parreira, no bairro São João, e Jesus Maria José, no bairro São Geraldo, enviou uma carta ao prefeito Agnaldo Perugini na qual desmente as afirmações feitas em seu nome em um comunicado que circula nas redes sociais e em parte da imprensa. No documento, Jaime Claret da Costa Coelho, presidente do MSPH, deixa claro que não subscreveu o comunicado, como faz crer seus autores, e pede ajuda à Prefeitura para “divulgar a correta informação a fim de estabelecer a verdade e encerrar os transtornos sociais causados”.

Desde sexta-feira (24), circula um comunicado supostamente assinado por seis entidades sociais da cidade que mantém creches em funcionamento. De acordo com ele, essas instituições interromperiam a prestação do serviço por falta de recursos financeiros. O MSPH, citado entre as instituições, deixa claro que suas atividades não serão interrompidas e estão sendo desenvolvidas normalmente. “Fatos inverídicos estão a prejudicar a imagem de nossa entidade e a gerar conturbação social”, adverte na carta.

Leia a carta na integra

Carta enviada ao prefeito desmente nota que circula na internet. Imagem: Divulgação Prefeitura de Pouso Alegre

Carta enviada ao prefeito desmente nota que circula na internet. Imagem: Divulgação Prefeitura de Pouso Alegre

O prefeito Agnaldo Perugini se indignou com a divulgação de um comunicado que se apóia em informações inverídicas, e que beiram à manipulação de pessoas para criar transtornos para a população.

“O poder público e as entidades sociais se esforçam para oferecer um serviço de qualidade imprescindível para as famílias. Assumimos o compromisso de oferecer creche para todas as crianças e estamos trabalhando para que isso se torne realidade com a construção de seis unidades de educação infantil do Proinfância. O que não podemos aceitar que se trate um assunto sério desses com irresponsabilidade. Dizer para população que uma creche vai fechar quando não vai é criar incertezas e preocupação para pessoas que já têm grandes desafios para superar”, manifestou.

Segundo a Prefeitura de Pouso Alegre, Para 2014, já está aprovado o repasse de R$ 3,168 milhões. Mesmo assim, funcionários de outras creches da cidade afirmam que irão realizar uma manifestação em frente a câmara dos vereadores nesta terça-feira (28).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.