PousoAlegrenet

Menu

Iniciativa visa substituir carros por bicicletas em Pouso Alegre

Acipa e Sindvale adotaram a bicicleta elétrica para locomoção de alguns funcionários e do presidente das instituições.

Dirigir e estacionar o carro em Pouso Alegre requer cada dia mais paciência e respeito entre os motoristas. Com uma frota de aproximadamente 70 mil automóveis, o congestionamento nas ruas tem trago para Pouso Alegre o stress no trânsito, comum das grandes metrópoles.

Em entrevista realizada em março, duas instituições de Pouso Alegre anunciaram o apoio a uma solução que já vem sendo adotada em outras cidades do mundo: substituir o automóvel por uma bicicleta elétrica. A e o SINDVALE passaram a adotar a bicicleta elétrica para locomoção de alguns funcionários, e inclusive do presidente das instituições.

Presidente da <a class='post_tag' href='http://pousoalegre.net/topicos/acipa/' >ACIPA</a> e a bicicleta elétrica usada para suas tarefas do dia-a-dia.

Presidente da e a bicicleta elétrica usada para suas tarefas do dia-a-dia.

Na época, , hoje presidente licenciado da e do SINDVALE, afirmou que a intenção é usar o carro somente quando for extremamente necessário:

“Não queremos dispensar o uso dos carros, pelo contrário, queremos usar os carros apenas quando for extremamente necessário. Pedalar faz bem para a saúde, para a mente e agora para o meio ambiente!”

Uma pessoa que trabalha a 3km de distância de casa e resolver usar a bicicleta percorreria 30 km em uma semana e queimaria 1763 kcal. Alem dos ganhos para a saúde física e mental, adoção do veículo reduz gastos com o transporte. Realizar o percurso acima de bicicleta economizaria mensalmente R$ 40,00 somente de combustível.

Para quem usa o transporte coletivo a economia é ainda maior: R$ 110,00 por mês. Em um ano equivaleria a R$ 1.320,00 economizados em transporte coletivo. Outra vantagem, não precisar esperar a chegada do ônibus, ou seja, maior pontualidade.

A bicicleta elétrica utilizada pela possui uma bateria portátil e alcança até 25km/h. O ciclista mal precisa pedalar. Atualmente, adquirir uma bicicleta elétrica da foto a cima fica em torno de R$ 2.000,00. Devido à aquisição da bicicleta elétrica, o ganho financeiro só aparece após um ano e meio. Mas os ganhos em saúde e qualidade de vida são instantâneos.

A expectativa é de que o exemplo dado pela e pelo SINDVALE ajude a disseminar a ideia entre as empresas da cidade, assim como da população. Na época da entrevista, Alexandre contou que sofreu um certo preconceito quando chegava em algumas reuniões de bicicleta, mas com muito bom humor e principalmente, sempre pontual em seus compromissos, a bicicleta elétrica conquistou a confiança dos parceiros.

“Somos referência em diversos sentidos para a cidade de Pouso Alegre, porque não ser no sentido sustentável também?” questionou em entrevista em março.

A iniciativa ajuda a pelo menos no trânsito, trazer de volta a qualidade de vida da qual os pousoalegrenses sempre se orgulharam de ter.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.