PousoAlegrenet

Menu

IPTU 2014 surpreende moradores de Pouso Alegre

Apesar da manutenção da alíquota do imposto, valores venais da maioria dos imóveis sofreu aumento. Valores não eram revisados desde 1997.

Valores venais dos imóveis sofreram alteração

Valores venais dos imóveis sofreram alteração

A chegada dos carnês do IPTU 2014 tem trazido preocupação para os pouso-alegrenses. Neste ano, começa a valer a revisão da planta de valores venais dos imóveis, realizada pela prefeitura no ano passado. Apesar da alíquota ser a mesma de anos anteriores, o impacto sobre o imposto é grande.

“Não houve reajuste no IPTU”, afirma o secretário de Finanças, Douglas Dória. “A alíquota do IPTU continua sendo de 0,5% sobre o valor do imóvel. Agora, a planta de valores venais não era revisada desde 1997 em propriedades mais antigas. E a correção dessa defasagem não chega à metade do valor real desses imóveis”, explica.

Segundo o secretário, para tentar reduzir o peso do imposto maior, que em alguns casos dobrou de um ano para outro, a prefeitura aumentou o número de parcelas para o pagamento e o percentual de desconto para quem vai quitar à vista. “Mas não houve só aumento. Em alguns casos haverá redução”, observa.

Novidades

A primeira parcela do IPTU vencerá no dia 16 de junho. Quem optar pelo pagamento à vista terá 15% de desconto, se não possuir outras pendências com o município, ou 7%, caso tenha negociado algum débito na dívida ativa do município. O valor do IPTU ainda poderá ser dividido em sete vezes.

Taxas

Proprietários de lotes vagos passam a contribuir com a taxa de iluminação pública, o que não ocorria até 2013. O custo da limpeza pública também mudou para parte da população.

“O valor era único, de R$ 70,44. Não importava se você tinha uma casa pequena ou se o imóvel abrigava um supermercado. Agora ele é escalonado. Pode variar de R$ 70 e R$ 140, de acordo com as características do imóvel”, diz Douglas Dória.

Em 2013, a prefeitura de Pouso Alegre arrecadou R$ 10 milhões com o Imposto Predial e Territorial Urbano, uma das poucas fontes de renda própria de que dispõe o município. O setor de IPTU deve funcionar em período integral a partir desta semana.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.