PousoAlegrenet

Menu

Ministério Público dá 15 dias para prefeitura explicar supersalários

Prefeitura abriu comissão interna para descobrir por que pagamentos eram feitos

O secretário de Saúde, Luiz Augusto Cardoso, terá 15 dias para explicar ao Ministério Público Estadual por que alguns médicos do município tem recebido supersalários. Nesta semana, o jornal A Tribuna e a emissora EPTV denunciaram o pagamento de altos valores para três médicos da rede pública. Hoje (08) o promotor Décio Monteiro Moraes encaminhou ofício ao setor. O órgão abriu um processo de investigação.

Os médicos Ricardo Chácara, Wanderclayton Bueno dos Santos e Maria do Carmo Borges teriam recebido remunerações que ultrapassam a casa dos R$ 50 mil. Somente Maria do Carmo recebeu da prefeitura R$ 72 mil no mês de janeiro. Inicialmente, a prefeitura emitiu nota informando que sobre cada salário incidem valores pagos por plantões e horas extras. Na quarta (07), o prefeito informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que estava surpreso com a informação. O pagamento de horas extras foi suspenso e uma comissão interna foi aberta.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.