PousoAlegrenet

Menu

Padastro suspeito de matar enteado de 3 anos é preso

Menino de 3 anos morreu na noite de domingo após ser agredido. Crime aconteceu em São Sebastião da Bela Vista.

Alisson Fernando de Souza é acusado de matar enteado. Foto: Polícia Millitar

Alisson Fernando de Souza é acusado de matar enteado. Foto: Polícia Millitar

Um homem acusado de espancar e matar o enteado de 3 anos de idade foi preso na tarde desta segunda-feira (28) na zona rural de São Sebastião da Bela Vista (MG). Segundo a polícia militar, Alisson Fernando de Souza foi preso na casa do pai, que fica na mesma fazenda onde aconteceu o crime.

De acordo com a polícia, o homem disse que a criança estava chorando muito e que por isso, perdeu o controle e agrediu o menino com tapas.

Segundo a polícia, o menino Carlos Alberto Neto, de 3 anos, morreu depois de ter sido agredido pelo padrasto, que morava com ele e a mãe há pouco tempo. O padastro teria ido buscar a ajuda dos familiares, e dito que a criança tinha caído no chão. Ao retornarem para a casa com a criança, desesperada com a situação, a mãe da criança teria começado a gritar, o que chamou a atenção dos vizinhos, que resolveram chamar um pastor.

Ao chegar ao local, o padrasto teria dito ao pastor: “Eu bati muito nele, não deveria ter feito isso”, e fugiu do local. O menino veio a falecer minutos depois. Ele estava com vários hematomas no rosto e na cabeça, e vomitava muito.

O corpo da criança foi levado por uma funerária de Pouso Alegre (MG) e encaminhado ao IML da cidade. A mãe do menino chegou a ser levada para a Delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvida e liberada em seguida.

Atualização: O padastro, Alisson Fernando de Souza já possuía passagem na polícia por furto, lesão corporal, pensão alimentícia e porte de arma. A mãe e a avó da criança tambem teriam tido a prisão preventiva decretada. Elas poderão ser indiciadas por omissão de socorro.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.