PousoAlegrenet

Menu

Policial relata emoção de socorrer recém-nascida

Sargento Silveira foi o policial que subiu no telhado da casa para resgatar o bebê recém-nascido. Em seu perfil em uma rede social, o Sargento relatou a emoção que sentiu ao encontrar a menina viva.

Sargento Silveira. Polícial relatou o que sentiu ao salvar recém-nascido. Foto: Arquivo Pessoal / Facebook

Sargento Silveira. Polícial relatou o que sentiu ao salvar recém-nascido. Foto: Arquivo Pessoal / Facebook

O policial militar que realizou o resgate de um bebê recém-nascida nesta terça-feira relatou através das redes sociais como foi a emoção de salvar a criança. Confira abaixo o relato do Sargento Silveira.

Ao longo da minha carreira policial, pensei que já tinha visto de tudo e deparado com as mais diversas mazelas sociais…. ” – Viatura tal… desloque até a Avenida… segundo informações de vizinhos está ocorrendo um choro parecido com o de uma criança no telhado de um dos apartamentos”… sem a minima hesitação desloquei para o apoio, imaginando tudo, menos a cena que ficou gravada na minha memoria e que nunca esquecerei…. um pequeno ser de poucos centímetros, com um choro mirrado, como se pedisse “pelo amor de Deus, não me deixe morrer”… no ímpeto ignorei toda a razão, arranquei meu colete balístico e me projetei pela janela… pedi aos anjos que me emprestassem suas asas, caso o telhado de amianto desabasse e corri em direção àquele pequeno ser que implorava pela vida..peguei-a pelas mãos, coloquei-a junto de meu peito suado, porém aquecido… supliquei-a que abrisse os olhinhos e ficasse comigo naquele momento.. envolvi-a com uma tolha verde emprestada por uma das pessoas, das quais assistiam nos apartamento vizinhos… após coberta e aquecida levei-a para o hospital… o caminho parecia uma eternidade… quando conversa com aquele pequeno anjo, percebi o momento em que ela abriu os olhos, deu um sorriso!!! Naquele momento senti a presença de Deus e com os olhos cheios de lágrimas e o coração apertado por tudo aquilo vivido, reafirmei os meus votos de amor e obediência ao CRIADOR.

PAI CELESTE…. EM TUAS MÃOS ENTREGO MINHA VIDA E ME COLOCO A VOSSA DISPOSIÇÃO, COMO INSTRUMENTO DE PAZ, AMOR , JUSTIÇA E FRATERNIDADE.

Abaixo você vê o momento em que o Sargento Silveira resgata a o bebê recém-nascido.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.