PousoAlegrenet

Menu

Boletim online ajuda pais a acompanhar desempenho dos filhos no município

A ferramenta está disponível para pais e responsáveis a partir desta semana na página oficial da Prefeitura na internet. Ele permite acesso às notas e frequência dos alunos em tempo real

A rede municipal de educação de Pouso Alegre disponibilizou para pais e responsáveis uma ferramenta que permite acompanhar o desempenho dos filhos em sala de aula em tempo real pela internet. É o Boletim Escolar Online. Disponível a partir desta semana na página oficial da Prefeitura (www.pousoalegre.mg.gov.br), ele traz informações como frequência e notas obtidas. O acesso é restrito aos pais e responsáveis, que receberam senha para utilizar o serviço.

A ferramenta está disponível para pais e responsáveis na página oficial da Prefeitura na internet. Imagem: Divulgação Prefeitura

A ferramenta está disponível para pais e responsáveis na página oficial da Prefeitura na internet. Imagem: Divulgação Prefeitura

O Boletim Escolar Online é uma das novas frentes que se abrem a partir de uma série de investimentos que o município está fazendo em tecnologia da informação e disposição de dados em rede para a educação municipal. O objetivo do trabalho é gerar bancos de dados para consulta da comunidade escolar e subsidiar o Departamento Pedagógico para a elaboração de programas educacionais ainda mais eficazes.

Para o prefeito , o Boletim Online é mais uma forma de pais e responsáveis participarem da vida escolar de seus filhos. “A comunidade escolar sai fortalecida com a criação desta nova ferramenta. É mais um forma de interação para troca de informações entre pais, professores e diretores para acompanhar o desenvolvimento dos alunos e garantir que eles tirem o melhor proveito possível do ensino”, considera o prefeito.

Integração de dados

A implantação do Boletim Online só foi possível porque, no início do ano, a Prefeitura implantou nas escolas do município um software de gestão educacional que integrou a base de dados da rede municipal de ensino. Além dos ganhos evidentes em eficiência administrativa, o sistema vai gerar uma base de dados em tempo real para orientar as decisões do município na aplicação de suas políticas públicas para a educação. “É um passo fundamental para aprimorarmos nosso processo administrativo e ganharmos em eficiência. Mas vamos ter também uma base de informações muito precisa para, por exemplo, saber em tempo real que região da cidade precisa de mais vagas ou em qual escola a média de frequência dos alunos está menor”, considera a secretária de Educação Cleidis Regina Modesto.

Outra inovação do programa vai garantir que o município informe com agilidade e precisão a base de dados do Ministério da Educação (MEC), conhecido por Educacenso. A partir dele, o MEC define as políticas educacionais do governo federal para todo país. São esses dados que definem, para ficar em um único exemplo, a fatia de verbas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica, o Fundeb, a que o município tem direito.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.