PousoAlegrenet

Menu

Presos poderão trabalhar em galpão dentro do presídio de Pouso Alegre

Até 30 presos em cumprimento de pena poderão trabalhar na montagem de garrafas térmicas.

Unidade Prisional agora tem um galpão de trabalho.

Unidade Prisional agora tem um galpão de trabalho.

O Presídio de Pouso Alegre inaugurou nesta quinta-feira (15) um galpão de trabalho dentro da unidade prisional. No espaço de 200m2, presos irão fazer a montagem de garrafas térmicas da empresa Invicta. A unidade deve beneficiar 30 pessoas em cumprimento de pena.

Inauguração do galpão. Foto: Divulgação SEDS

Inauguração do galpão. Foto: Divulgação SEDS

Os detentos vão fazer a montagem das peças plásticas que compõem a estrutura externa da garrafa. Sete componentes serão montados e encaixados um a um manualmente até formar a tampa da garrafa térmica. A expectativa é de que sejam finalizadas 100 mil unidades mensalmente.

Jorge Ruiz, diretor de Operações da Invicta, diz acreditar que num prazo de seis meses os presos já consigam atingir esta marca de produção. “Nesta fase de treinamento e aprendizado acredito que a produção será 30% menor, mas depois de um tempo esperamos atingir a produção de 100 mil peças em um mês”, estima Ruiz.

Para Anderson Colombo, gerente de Operações da marca, este é um momento importante para a empresa, que está em processo de expansão das suas unidades de fabricação e pretende se tornar uma multinacional.

“Acreditamos no trabalho de responsabilidade social. Esta é uma das preocupações da Invicta. Esta parceria beneficia não só a empresa, mas principalmente os presos, que terão uma oportunidade de trabalho remunerado”, diz Colombo.

Os representantes da empresa acreditam que a parceria tem tudo para dar certo e pretendem futuramente trazer mais peças para serem montadas no Presídio de Pouso Alegre.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.