PousoAlegrenet

Menu

Servidores de postos de saúde seguem em greve em Pouso Alegre

Somente casos urgentes estão sendo atendidos. Crise aumentou em 30% no número de atendimentos do Samuel Libânio.

Servidores de postos de saúde seguem em greve em Pouso Alegre. Foto: Reprodução Facebook <a class='post_tag' href='http://pousoalegre.net/topicos/douglas-vasconcelos/' >Douglas Vasconcelos</a>.

Servidores de postos de saúde seguem em greve em Pouso Alegre. Foto: Reprodução Facebook .

Os funcionários dos postos de saúde dos dois maiores bairros de Pouso Alegre, o São Geraldo e São João, continuam em greve nesta segunda-feira (10). Durante a greve, estão sendo atendidos apenas os casos de urgência e emergência para pacientes com risco de morte.

A greve teve início na terça-feira (4) no São João, e na quarta-feira (5) no São Geraldo.  O motivo, segundo a coordenação do movimento,  seria a insatisfação da categoria com o descumprimento de um acordo. A prefeitura teria se comprometido em garantir escala de um número mínimo de funcionários para estender o expediente no São Geraldo até às 22h, a manutenção de uma ambulância na unidade e medicamentos. Os grevistas dizem que nenhuma reivindicação foram atendidas, e que os medicamentos fornecidos recentemente já estão acabando.

Ainda de acordo com os funcionários em greve, na última sexta-feira (7), eles entregaram um pedido de reunião com o prefeito, , e agora esperam uma resposta. Eles afirmam que vão seguir com a greve por tempo indeterminado.

Procurada, a prefeitura informou que a maioria das reivindicações apresentadas pelos servidores foi atendida, de acordo com as possibilidades. A prefeitura destacou que os servidores tiveram reposições salariais com o ganho real em torno de 12,5% e afirma que a greve não teria motivo justo.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.