PousoAlegrenet

Menu

Poda drástica em árvores da Av. João Beraldo gera revolta em Pouso Alegre

Ao longo de avenida, 113 alfeneiros estão sendo podados pela prefeitura. Árvores já haviam sido alvo de polêmica em projeto que as substituiria.

Poda drástica será realizada em todas os 113 alfeneiros da via (Foto: Reprodução EPTV)

Poda drástica será realizada em todas os 113 alfeneiros da via (Foto: Reprodução EPTV)

A poda drástica de arvores na Avenida Dr. João Beraldo voltou a gerar revolta em Pouso Alegre. Nesta semana, a prefeitura voltou atrás na decisão, e voltou a podar todas as árvores da via. Ao todo, 113 alfeneiros estão sendo podados.

A polêmica começou em julho, quando a prefeitura anunciou a substituição dos alfeneiros por palmeiras imperiais. No entanto, após uma ONG colher 3 mil assinaturas em um abaixo assinado, a prefeitura resolveu voltar atrás na decisão.

Já em setembro a prefeitura resolveu voltar atrás. O secretário de Meio Ambiente, Douglas Vieira, do Partido Verde, afirmou em vídeo que no máximo 10 árvores seriam cortadas na avenida.

Porém, duas semanas depois, a prefeitura começou a realizar uma poda drástica nos alfeneiros a partir do ínicio da via. Assim que teve inicio, as reclamações ganharam as redes sociais e o assunto voltou a ter grande repercussão.

A prefeitura alegou que as árvores que haviam sido podadas, apresentavam infestação de parasitas, além da presença de galhos secos e quebrados, e tamanhos não padronizados dos ramos.

Na época, a prefeitura informou por meio de nota que as demais árvores ao longo da via, que não apresentassem o quadro, receberiam apenas um poda mais convencional. Mas nesta semana, a prefeitura resolveu por fazer a poda drástica em todas as árvores da via, alegando o quadro desfavorável.

A administração municipal informou que o trabalho foi acompanhado por técnicos das secretarias de Meio Ambiente e de Serviços Públicos, que tem conhecimento no manejo da espécie alfeneiros, e que as árvores estavam com infestação de parasitas. Segundo a prefeitura, dentro de 60 a 90 dias as copas das árvores já estarão recompostas.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.