PousoAlegrenet

Menu

“Sem magia”, reclamam lojistas sobre falta de iluminação de Natal em Pouso Alegre

Apesar da crise, para moradores e lojistas, iluminação e decoração ajudaria a criar o clima natalino, que é bom para o comercio.

Principal avenida da cidade, a av. Dr. Lisboa sempre foi uma das mais enfeitadas.

Principal avenida da cidade, a av. Dr. Lisboa sempre foi uma das mais enfeitadas.

A falta de iluminação e decoração natalina no centro e em pontos estratégicos de Pouso Alegre tem desagradado populares e comerciantes. Neste ano há apenas o tradicional presépio, que foi restaurado, e a Casa do Papai Noel, que foi promovida pela .

“O natal e o ano novo são épocas de renovar a esperança. E a iluminação e decoração são partes fundamentais para criar esse clima natalino e ajuda a animar a população. Mas sinceramente, esse ano Pouso Alegre parece estar apagada, sem vida, sem magia e sem esperança em um ano melhor pela frente.”, comenta a moradora Erenize.

Praça Senador José Bento, no centro da Cidade era o local que sempre recebia maior atenção. Neste ano não há qualquer decoração.

Praça Senador José Bento, no centro da Cidade era o local que sempre recebia maior atenção. Neste ano não há qualquer decoração.

Outros que tem muito a reclamar são os lojistas. Sentido os efeitos da crise econômica, eles tem sentido que os clientes estão mais desanimados do que em outros Natais: “A magia do natal sempre foi muito boa para o comércio. O clima criado pelos enfeites e iluminação acabava contagiando as pessoas com a data, que saiam de casa pra ver decoração e compravam mais presentes. Mas esse ano, o que já não seria bom por causa da crise, ficou ainda pior sem esse clima natalino na cidade”, reclamou o comerciante Arnaldo.

As principais rotatórias da cidade também costumavam receber enfeites.

As principais rotatórias da cidade também costumavam receber enfeites.

Nos últimos anos a decoração natalina no centro e em outras vias da cidade tem sido realizada pela prefeitura de Pouso Alegre. Porém, neste ano nada foi feito. Procurada, a prefeitura informou que optou por reduzir os investimentos em iluminação decorativa nesses tempos de austeridade econômica.

Para a aposentada Luiza, a decisão foi errada: “Até entendo economizar um pouco. Não precisa fazer uma decoração cara e grande. Mas não colocar nenhum pisca-pisca? Nós e os comerciantes pagamos o IPTU pra prefeitura. Será que é tão caro assim colocar alguns pisca-piscas em torno de algumas arvores? Meus filhos e netos que estão chegando vão encontrar uma Pouso Alegre apagada e sem graça. Acho vergonhoso. Uma pena.”, lamentou a moradora.

Deixe um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.