PousoAlegrenet

Menu

Festa Junina anima pacientes no setor de Hemodiálise do Hospital Samuel Libânio

Para levar alegria e divertimento aos pacientes, houve quadrilha, enfeites, funcionários caracterizados e comidinhas diferentes, que deixaram um clima familiar e aconchegante no Hospital

Hospital das Clínicas Samuel Libânio (HCSL) realizou nesta terça (29) e quarta (30) uma Festa Junina para os pacientes do setor de Hemodiálise. Houve quadrilha, enfeites, funcionários caracterizados e comidinhas diferentes que deixaram um clima familiar e aconchegante no Hospital. A intenção é levar alegria e divertimento para os pacientes

(Foto: divulgação FUVS)

(Foto: divulgação FUVS)

“Queremos acima de tudo mostrar que eles são importantes para nós. Queremos levar um pouco de alegria nesse momento de fragilidade. Os pacientes acabam entrando no clima e muitos filmam a quadrilha e agradecem pela participação de todos. As pessoas já estão entendendo que nosso hospital é diferente, nosso atendimento é diferente”, ressalta a enfermeira responsável pelo setor de Hemodiálise, Luciana de Cássia Almeida Santiago.

Luciana conta que a novidade neste ano foi a participação de alunos dos colégios Objetivo e João Paulo II. “A princípio pensei que era incompatível uma festa junina aqui no Hospital, mas percebi o quanto é importante tirarmos um tempo para darmos atenção e trazer alegria pra esses pacientes. Ficamos emocionados em levar esse conforto, esse momento de diversão pra eles. No ano que vem estaremos aqui de novo com certeza”, conta a aluna do colégio Objetivo, Tamires Cristina Pereira Ribeiro.

(Foto: divulgação FUVS)

(Foto: divulgação FUVS)

Nesse ano também está sendo realizado sorteio de brindes para os pacientes que se divertiram e se alegraram durante as apresentações. Além da dança, é servido um lanche especial com cachorro-quente e canjica (preparado por uma nutricionista) e todo o setor é enfeitado caprichosamente para o evento festivo.

O Serviço de Hemodiálise é referência para microrregião de Pouso Alegre, atende em média 90 pacientes diariamente e conta com o envolvimento de sete médicos nefrologistas, quatro urologistas, três vasculares, dois anestesistas, além de intensivistas e equipe multiprofissional de enfermagem composta por três enfermeiras especialistas e 32 técnicos de enfermagem. A estrutura de atendimento oferece 28 máquinas que realizam um total de 27.396 sessões por ano, em horários diurnos e noturnos.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.