PousoAlegrenet

Menu

Pouso Alegre é a primeira cidade de Minas a proibir extração de gás xisto por ‘fracking’

Processo usado para extrair gás da rocha de xisto que se encontra no subsolo tem sido considerado perigoso, e já foi proibido em outros países.

Pouso Alegre é a 1ª de Minas a proibir o Fracking

Os vereadores de Pouso Alegre aprovaram na sessão da terça-feira (20) a proibição do ‘Fracking’ na cidade. O Fracking é um processo usado para extrair gás da rocha de xisto que se encontra no subsolo. A técnica consiste em injetar uma mistura de água e substâncias químicas com alta pressão em rochas profundas para estimular o fluxo de gás ou petróleo de xisto.

O Fracking tem sido constantemente alvo de estudo que encontraram evidências de que ele pode afetar sistematicamente a qualidade da água. Estudos nos Estados Unidos tem apontado ainda que a técnica pode causar terremotos. Na Alemanha a técnica foi proibida pelo governo.

No Brasil ainda não há uma lei federal proibindo a técnica, mas algumas cidades, principalmente do Paraná, já se adiantaram via legislação municipal. Em Minas Gerais, Pouso Alegre passa a ser a primeira cidade a proibir o Fracking.

Organizador do movimento, Renan Andrade, e o autor do projeto, (Foto: Divulgação)

O autor do projeto, (REDE) fala da importância do passo dado em Pouso Alegre: “O Sul de Minas possui grande riqueza em recursos hídricos e da qual dependem milhões de pessoas e que precisa ser preservada. Pouso Alegre é o primeiro passo para garantir a integridade das demais cidades da contaminação causada pelo fracking”, enfatizou o vereador.

Um dos organizadores da campanha contra o Fracking no Sul de Minas, Renan Andrade, comemora: “O caminho foi aberto com a aprovação em Pouso Alegre e vamos trabalhar para que Minas Gerais esteja livre do fracking e tenha preservados da contaminação seus recursos hídricos, a produção agrícola, o turismo e a sua gente”, completou Renan.

A proposta foi aprovada de forma unanime por todos os vereadores e segue para sanção do prefeito (PT).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.