PousoAlegrenet

Menu

Piadas inoportunas de vereador chamam a atenção na Câmara de Pouso Alegre

Dito Barbosa (PSDB) fez brincadeiras sobre baixinhos e doação de cadáver, e pediu uma moção de aplausos a um boteco

Se a política em contexto geral já vem sofrendo com a incredulidade do povo, certos tipos de comportamento podem piorar a situação ainda mais. Nas últimas semanas, chamou a atenção de muita gente as piadas feitas pelo vereador Dito Barbosa (PSDB) durante as sessões do legislativo em Pouso Alegre.

No dia 2 de março, Dito fez uma brincadeira antes da votação de um projeto que obriga bancos a instalar caixas eletrônicos em altura compatível com cadeirantes e pessoas com nanismo. Dito, disse que:

“Sr. Presidente, gostaria de alertar que os baixinhos não podem votar nesse projeto, senão ‘vai estar’ legislando em causa própria”. Nas imagens, é possível notar o desconcerto causado pela piada no presidente da Câmara.

Vereador fez piada sobre doação de cadáver durante sessão (Foto: reprodução Câmara)

Já na última sessão, no dia 7 de março, Dito fez outra brincadeira. Dessa vez, após uma apresentação de quase 1 hora feita por um médico de Alfenas falando sobre a importância da doação de Cadáveres para o estudo da Medicina. Após ponderações e agradecimento de alguns vereadores, Dito pediu a palavra e disse:

“Eu até gostaria de doar o meu corpo, mas como estou procurando ser um bom cidadão, espero ir pro céu com corpo e alma. Então, o corpo não vai ter aproveitamento aqui na terra não”. A declaração deixou novamente a plateia e vereadores sem jeito.

Ainda na mesma sessão, chamou a atenção o fato de Dito ter solicitado a Câmara uma Moção de Aplausos a um boteco de Pouso Alegre.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.