PousoAlegrenet

Menu

Policlínica sofre vandalismo pela segunda vez este ano em Pouso Alegre

Local destinado a cuidar da saúde da população é depredado e invadido por marginais, usuários e traficantes

Foto: Prefeitura

Foto: Prefeitura

Portas arrombadas, vidros quebrados, sujeira e furto de equipamentos eletrônicos estão fazendo parte da rotina da Policlínica Municipal no bairro São Geraldo. A unidade cuja função principal é cuidar da saúde da população, vem sofrendo com a ação de vândalos e ladrões que, muitas vezes, moram no mesmo bairro.

Segundo a prefeitura, na madrugada desta terça-feira (8) a Policlínica voltou a sofreu ações de vandalismo. As instalações foram invadidas e dali roubado um computador que continha importantes arquivos sobre o funcionamento da Policlínica. A Polícia Militar esteve no local e fez o registro da ocorrência, dando sequência às investigações.

De acordo com a prefeitura, o pátio da unidade é frequentemente invadido durante à noite por marginais, principalmente traficantes e usuários de drogas. Como a grade de proteção foi totalmente depredada na parte dos fundos, o acesso é facilitado pela própria localização, próxima a áreas de alto índice de criminalidade e reconhecida vulnerabilidade social.

Foto: Prefeitura

Conforme a Guarda Municipal, a Prefeitura mantém a presença de um GCM com revezamento no período de 24 horas diariamente, mas insuficiente para conter as ações dos vândalos e a presença de marginais na área. Por sua vez, a Polícia Militar informa que efetua rondas freqüentes no bairro, porém, conclui-se, a ação não é suficiente para conter o vandalismo.

Nesta terça-feira (8) o prefeito Rafael Simões e a secretária Silvia Regina também estiveram no local logo pela manhã. Indignado, o prefeito determinou os reparos necessários para conter os invasores. Também foi solicitada à PM a intensificação de rondas nas proximidades da Policlínica.