PousoAlegrenet

Menu

Simões promete ação judicial para interromper cobrança da taxa de esgoto em Pouso Alegre

Simões também culpou a Copasa por 90% dos buracos existentes nas ruas da cidade

Simões anunciou decisão durante reunião com vereadores e gerente da Copasa (Foto: Divulgação Prefeitura)

A prefeitura de Pouso Alegre entrará com uma ação judicial para interromper a cobrança da taxa de esgoto em toda a cidade. Segundo a prefeitura, o prefeito Rafael Simões (PSDB) anunciou a decisão durante reunião nesta quarta-feira (28) com vereadores e a gerencia regional da Copasa.

De acordo com a prefeitura, Simões também culpou a Copasa por 90% dos buracos existentes nas ruas da cidade, segundo ele, decorrentes de intervenções ou serviços de recomposição mal executados pela Concessionária.

Gerente garantiu providências (Foto: Divulgação Prefeitura)

“Vamos multar a Copasa todas as vezes que ela não agir dentro do contrato. Estamos buscando soluções dentro do caminho mais rápido”, disse Simões.

Ainda conforme a prefeitura, a gerente da Copasa, Rosângela Krepp, expôs algumas dificuldades, e garantiu que providências deverão ser tomadas. “Conseguimos R$ 16,5 milhões para licitar obras no esgotamento sanitário do município”, anunciou.

O PousoAlegrenet procurou por telefone a assessoria da Copasa e a Gerente regional, mas não foi atendido.

A prefeitura pede que em caso de reclamações ou denúncias referentes à Copasa, a população registre oficialmente pelo telefone 115.