PousoAlegrenet

Menu

Trio é preso por descartar lixo hospitalar de clínica veterinária em terreno em Pouso Alegre

Um deles é dono da clínica. Eles alegaram que estavam recolhendo material pego por engano por um catador. Denunciante disse ter visto eles retirando as caixas do carro e colocando no terreno. Prisão foi em flagrante

Foto: Polícia Militar

Três pessoas foram presas em flagrante na tarde da terça-feira (17) suspeitas de descartar irregularmente do lixo hospitalar de uma clínica veterinária em um terreno próximo ao centro de Pouso Alegre.

A Polícia Militar chegou até o trio após uma denúncia anônima. O descarte acontecia na Rua Manoelita de Barros Cobra Oliveira, Bairro Jardim Guanabara, nos fundos de um condomínio. Segundo o denunciante relatou a polícia, o trio retirava as caixas de isopor de dentro do veículo e colocavam no terreno.

Ao chegarem no local, a PM localizou o veículo e os indivíduos em posse das caixas de isopor e alguns sacos de rações. Após verificar o que continha dentro das caixas, foi constatado que se tratava de uma grande quantidade de seringas já utilizadas e muitas ampolas de algum tipo de remédio ou vacina.

Ao serem indagados sobre a conduta, os indivíduos relataram a PM que apenas estavam recolhendo o referido material que teria sido recolhido por engano por um catador na clínica veterinária de um dos suspeitos.

A PM porém, não acreditou na versão dada pelo trio. Os homens de 28, 37 e 43 anos foram presos em flagrante por crime ambiental e conduzidos pela delegacia de Polícia.

A vigilância sanitária foi acionada para realizar os serviços de praxe e o recolhimento do material.