PousoAlegrenet Logo PousoAlegre.net

Menu

Polícia Civil prende suspeito de se passar por policial e praticar estelionato em Pouso Alegre

Segundo as investigações, Guilherme Aparecido prometia CNH sem realizar procedimentos legais em troca de dinheiro, além de manter em posse drogas e anabolizantes

Guilherme Aparecido foi preso preventivamente (Fotos: Redes sociais)

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (21) um homem suspeito de se passar por policial e cometer estelionato para falsa venda da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Guilherme Aparecido Fernandes da Costa, de 29 anos, foi preso preventivamente.

Guilherme foi preso no apartamento da mãe do filho dele. Lá foram encontrados e apreendidos uma porção de comprimidos azuis, duas ampolas de medicamentos, uma porção de maconha, uma porção de cocaína e o celular do alvo do mandado.

Também foi realizada busca em outro imóvel onde Guilherme disse morar. Lá foram apreendida grande quantidade de cópias de documentos em nome de várias pessoas, provavelmente vítimas, cartões de crédito também em nome de desconhecidos, fotos 3×4 de vários indivíduos, comprimidos de diversas cores, porções de cocaína e maconha.

Segundo as investigações, Guilherme se passava por policial civil e prometia “vender” a CNH para a vítima, recolhendo documentos e dinheiro. Com o tempo, quando a vítima percebia a demora, ele criava desculpas dizendo que o órgão oficial não havia entregado ainda o documento. Além disso, também ofereceu vantagens a algumas vítimas para conseguir comprar veículos de leilão. O suspeito estaria cometendo estelionatos há cerca de três anos.

Segundo o Delegado Regional, Renato Gavião, já haviam diversas queixas de comerciantes e cidadãos, e a PCMG realizava as devidas investigações que levaram à prisão. “Foi um trabalho bastante minucioso pra se conseguir chegar ao resultado que conseguimos. É de extrema importância para a sociedade conseguirmos efetuar a prisão do suspeito de aplicar diversos golpes e, ressalto sempre, a necessidade de que todas as pessoas que se sintam lesadas venham a denunciar casos como este”, explica Gavião.

Após ser ouvido, Guilherme foi encaminhado para o Presídio de Santa Rita do Sapucaí para o isolamento e triagem da Covid-19 e posteriormente será levado para o Presídio de Pouso Alegre.