PousoAlegrenet Logo PousoAlegre.net

Menu
PróximoAnterior

Caged aponta aumento de 2.048 postos de trabalho em Pouso Alegre, com previsão de mais empregos no 2º semestre

Foram 12.711 admissões contra 10.663 desligamentos. Saldo é 6 vezes maior que do ano passado. Pelo menos 4 grandes indústrias devem fazer muitas contratações no 2º semestre. Saiba quais

PróximoAnterior
Número de postos de trabalho aumentou em Pouso Alegre (Foto: Prefeitura)

O número de postos de trabalho em Pouso Alegre aumentou no primeiro semestre deste ano. Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho.

Segundo o Caged, foram 12.711 admissões contra 10.663 desligamentos, saldo de 2.048 novos postos criados. O saldo é 6 vezes maior que o do ano passado, encerrado com apenas 346 novos postos, devido a pandemia.

PróximoAnterior

Ainda conforme o Caged, o número de postos de trabalho em Pouso Alegre saltou de 47.868 no final de 2020, para 49.916.

O setor de serviços foi o que mais gerou novos postos, com 1.032, seguido pela Indústria com 653, comércio com 272, construção com 58 e agropecuária com 33.

Os dados do Caged estão disponíveis em http://pdet.mte.gov.br/novo-caged, na caixa “Material de divulgação – Março 2021”, item “Painel de informações do novo Caged”.

Previsão é de ainda mais empregos no 2º semestre

Cimed deve contratar nesse segundo semestre (Foto: Prefeitura)

A expectativa é que os números aumentem ainda mais. A Arizta deve iniciar as atividades em novembro, e a previsão é que 300 empregos diretos e 1.000 indiretos sejam gerados.

No ramo farmacêutico, com a chegada da Biolab, que está em fase final de construção, e a ampliação da CIMED e União Química, a expectativa é que sejam gerados 3.000 empregos diretos e indiretos.