PousoAlegrenet Logo PousoAlegre.net

Menu
PróximoAnterior

Polícia Civil prende sobrinho e outros dois suspeitos de latrocínio na zona rural de Estiva, Sul de Minas

Crime ocorreu no início de julho; Suspeitos foram encontrados e presos em Goiás, Tocantins e Minas Gerais

PróximoAnterior

A Polícia Civil indiciou três pessoas suspeitas de latrocínio contra um agropecuarista em Estiva (MG). A Delegada Renata Brizzi, titular da Comarca de Estiva, remeteu o relatório à Justiça nesta terça-feira (17).

O agropecuarista Marciano Joaquim da Silva, de 44 anos, foi morto no dia 5 de julho, durante um assalto a casa onde morava com o pai, no bairro Pantano dos Rosas, zona rural.

PróximoAnterior

Um dos suspeitos é sobrinho da vítima. Danilo Henrique de Faria, de 23 anos, estava foragido. Ele foi preso em Piracanjuba, Goiás, no dia 22 de julho.

Os outros dois suspeitos são irmãos. Pedro Silva Araújo, de 19 anos, foi preso em Maurilândia (TO) no dia 28. Já Raimundo Araújo, de 34, foi preso ainda em Estiva (MG), no dia 20 do mês passado.

As prisões são preventivas. A PC solicitou que Danilo e Pedro sejam recambiados para Minas Gerais, onde ficarão à disposição da Justiça.

De acordo com levantamentos da Polícia Civil, os investigados podem ter agido com o intuito de subtrair uma quantia em dinheiro, cerca de R$ 9 mil que seriam provenientes de uma venda de gado. Durante a ação, houve o homicídio.

A vítima, Marciano Joaquim da Silva, foi encontrada morta pelo pai, e avô de um dos suspeitos. Ele tinha diversos ferimentos, incluindo cortes e perfurações causadas por disparos de arma de fogo.