PousoAlegrenet Logo PousoAlegre.net

Menu 11 anos
PróximoAnterior

Pessoas têm que madrugar em fila para conseguir pegar senha de vistoria de veículos no Detran em Pouso Alegre

Detran distribui quantidade limitada de senhas por dia. Quem precisa ser atendido de manhã, tem que madrugar para pegar as primeiras senhas. E quem chega depois das 7 não consegue senha. Problema já dura 45 dias. Detran prevê normalização até o fim deste mês

PróximoAnterior
Foto: Redes Sociais

O serviço de vistoria de veículos do Detran de Pouso Alegre tem sido alvo de muitas reclamações. Pessoas estão tendo que madrugar na fila e no tempo para tentar pegar um senha, e depois esperar horas para que seu veículo seja vistoriado.

O problema se arrasta há 1 mês e meio. Começou no início de março – coincidindo com os protestos por reajuste salarial dos policiais civis. Mas o motivo informado pelo Detran, é que as vistorias passaram a ser feitas com um novo sistema eletrônico e online, que está em fase de adaptação, causando acúmulo de demanda.

Todos os dias, às 8h30m da manhã, são distribuidas uma quantidade limitada de senhas: Nesta terça-feira (19) foram 120, mas na semana passada eram só 80. Quem não chegasse antes das 7 da manhã, dificilmente conseguia uma senha. E pior, tinha que voltar no outro dia antes do sol raiar para tentar novamente pegar a senha.

Quem tem mais urgência para regularizar o veículo, não mora em Pouso Alegre, ou precisa entrar no trabalho o mais cedo possível, não tem outra escolha: Acaba optando por madrugar na fila, para ser atendido logo de manhã.

Foi o caso do Eliezer Mariano, que gravou vídeos revoltado. Segundo os vídeos que ele gravou, às 2 horas da madrugada desta segunda-feira (18), já haviam diversos motoristas esperando para fora do estacionamento do Serra Sul Shopping, onde fica o Detran. “Não tem cabimento e nem palavras para um negócio desse. Duas horas da manhã ter que estar no Detran para poder estar dentro da lei”, reclama Elieser.

As pessoas tem que esperar no tempo. Tem gente que leva cobertor para aguentar o frio. Ir ao banheiro então, é complicado: Tem que pedir para um guarda acompanhar, pois o shopping só abre às 10 horas da manhã.

Quem não consegue pegar a senha, tem que voltar outro dia. Quem consegue, ainda pode ter uma longa espera pela frente.

A situação também revoltou o empresário Eduardo Papini: “Olha como é o esquema do Brasil. Você vem fazer vistoria para fazer a transferência do veículo. Daí o orgão responsável, que hoje tá na mão da Polícia Civil, libera apenas oitenta senhas por dia. Isso que o pessoal que chegou nessa fila aqui, o primeiro lá chegou às 3 horas da manhã e dormiu na fila, está de cobertor nas costas. Esse Brasil é demais”, reclamou.

As senhas são divididas em manhã e tarde. Não há horário definido. Quem pegou senhas da tarde, deve voltar às 14 horas, e torcer para ser atendido até às 17h30m. E tem vezes que não dá tempo, e a pessoa ainda tem que voltar no outro dia.

Cada vistoria costuma ser rápida, coisa de 5 minutos em média. Por isso, as pessoas ficam com medo perderem a vez, e esperam lá fora mesmo, no sol, que bate até dentro do galpão de vistorias.

Para despachantes consultados, e que não querem se expor, o caso é um descaso do estado com o contribuinte. Quem precisa do serviço de vistoria, pagou em média R$ 250 em taxas ao Detran. Uma arrecadação de Meio milhão de reais por mês só com essas pessoas que precisam da vistoria. E a vistoria é praticamente o único contato da maioria dos contribuintes com o Detran, já que o restante do processo é feito digitalmente.

Foto: PousoAlegrenet

Procurado, o Detran informou por meio de nota que desde o dia 11 deste mês – mais de 1 mês após o início do problema – as vistorias passaram a serem feitas por dois servidores, ao invés de um. A previsão do Detran é que a demanda volte a normalidade até o fim deste mês de abril.

O Detran ainda pediu que o “usuário faça sua parte, caso ainda esteja no prazo para a transferência de seu veículo, aguarde para que o serviço seja normalizado. Não há necessidade de comparecer de madrugada para retirar senhas, esta atitude causa mais acúmulos e assim, mais morosidade no atendimento”.

Nota do PousoAlegrenet

Ao contrário do que diz o Detran, para muitas pessoas, não há outra opção a não ser ir de madrugada. Pois muitos precisam regularizar seu veículo com urgência, para assim poder circular sem correr o risco de multa ou apreensão. Muitas pessoas não podem se ausentar do trabalho durante o dia todo para fazer um mera vistoria que deveria durar 5 minutos.

É o Detran, que deveria buscar dar um atendimento DIGNO aos contribuintes. Deveria desde o início do problema, ter ampliado o atendimento e passado a distribuir mais senhas (nem que fosse para o dia seguinte), organizar melhor os períodos de atendimento, ou fazer agendamentos. Não é aceitável que um serviço público, com altissima arrecadação, seja tão mal administrado no que tange o atendimento ao público. As pessoas merecem ser atendidas de forma digna. Sem grosseria no atendimento, sem cara feia, sem ficar expostas ao sereno, sol e chuva, e em um tempo aceitável para quem precisa trabalhar para pagar as altas taxas cobradas pelo Detran.

PróximoAnterior