PousoAlegrenet Logo PousoAlegre.net

Menu 12 anos
PróximoAnterior

Morador que teve casa alagada coloca móveis no meio da rua e fogo em pneu no Faisqueira em Pouso Alegre

Protesto causou grande congestionamento no trecho, que tem trânsito intenso. Ele foi autuado pela prefeitura e pela Polícia Militar por obstrução da via pública e por colocar a vizinhança em risco através da queima de pneu próximo ao posto de combustível

PróximoAnterior

O morador que teve a casa alagada ontem no Faisqueira em Pouso Alegre protestou na tarde desta terça-feira (27) colocando móveis em meio a rua e ateando fogo em um pneu. Devido ao protesto houve grande congestionamento na região, que já possui trânsito intenso.

Tadeu Tarcísio de Almeida falou com o PousoAlegrenet ontem (26) e questionou a demora para que seja solucionada a questão dos alagamentos na Av. Antônio Scodeler. "Choveu muito, mas isso não é de agora. Já é a terceira vez que perco as minhas coisas", reclama. "Ali tinha que ser construído um pontilhão. Mas o prefeito prefere priorizar a Dique 3", criticou. [obs: importante esclarecer que não está sendo construída uma Dique 3, e sim a Via Faisqueira. Não há sistema de Dique lá.].

PróximoAnterior
Foto: Prefeitura

Segundo a prefeitura, equipes estavam fazendo o trabalho de limpeza de vias públicas na Av Antônio Scodeler quando Tadeu começou a colocar seus pertences no meio da rua, obstruindo a passagem e dificultando o trabalho que vinha sendo realizado. O morador também ateou fogo em pneus no local.

Foto: Prefeitura

Ainda conforme a prefeitura, ele se negou a receber o auxílio da Prefeitura através do serviço de caminhão cata treco. “A Prefeitura esteve no local por 3 vezes para realizar o recolhimento dos móveis do referido morador, porém ele se negou a receber o serviço”, disse o Secretário Interino de Infraestrutura, Obras e Servicos Públicos.

Foto: Prefeitura

Os pertences de Tadeu somente puderam ser retirados após a Polícia Militar comparecer ao local. Os fiscais da Prefeitura dos setores de Obras, Postura e Meio Ambiente autuaram o morador por obstrução da via pública e por colocar a vizinhança em risco através da queima de pneu próximo ao posto de combustível.

Foto: Prefeitura

Segundo a prefeitura, o ocorrido impediu o trânsito por mais de uma hora.

A Polícia Militar cientifico o morador quanto a ação delituosa e lavrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência.